Buscar
  • Redação Nova Coari FM

TCE multa ex-prefeito de Coari em 72,2 milhões.

Atualizado: 4 de Dez de 2020

Coari, 03 de dezembro de 2020.

Magalhães é condenado pela não comprovação das despesas do exercício de 2016.

Em sessão transmitida e jugada nesta quinta, o pleno do tribunal de contas do Amazonas condenou Raimundo Magalhães (ex prefeito de Coar-AM), a pagar multa de 72,2 milhões, por irregularidades do exercício do ano de 2016. Recorrente, o MP-AM (Ministério Público do Amazonas), considerava as contas do município de Coari junto ao TCE-AM irregulares, já que o réu não apresentará comprovação legal de provas perante o tribunal dos gasto do ano de 2016 (documentos, balancetes e outros).

Foram condenados no mesmo processo os ex-funcionários públicos que fizeram parte da gestão do ex-prefeito, Alvimar da Costa Monteiro, Monaliza Cordovil, Vaneza Martiniano e Fernando Osvaldo Cunha. Em determinação da pena impetrada pelo TCE-AM nesta ação, o réu fica impossibilitado a assumir cargos públicos pelo período de cinco anos junto dos demais condenados que ainda pagarão multas que variam entre R$:12.000 (Doze Mil Reiais), à R$:20.000 (vinte mil reais). O processo ainda cabe recurso ao réu.

44 visualizações0 comentário